Hoje é o Dia dos Professores, uma data simbólica que representa a força dessa classe de trabalhadores e sua importância para o nosso País. Apesar de haver muitos motivos de orgulho, vivemos tempos sombrios nos quais a profissão de educador está cada vez mais desvalorizada pelos governos.

Sabemos que isso acontece porque os representantes eleitos não se importam com a educação do povo, mas pretendem lucrar com a desinformação e com o sucateamento desse essencial serviço público. Para isso, estão retirando direitos das professoras e professores e diminuindo os recursos para a manutenção de escolas, colégios e universidades.

No Paraná, os últimos governos foram cruéis com os funcionários públicos, no geral, e com as educadoras e educadores, em particular. Já são quase cinco anos sem reajuste da inflação nos salários, o que representa uma perda no poder de compra de quase 20%. Com a inflação dos produtos de manutenção básica das famílias agravada pela pandemia, a situação das famílias dos trabalhadores está cada vez pior.

Além disso, quando a classe dos professores se manifesta contrária a alguma atitude dos governos, é recebida com bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha.

No entanto, as professoras e professores seguem na luta. Todos os dias acordam cedo para preparar as aulas online, corrigem provas, atendem os alunos com maiores dificuldades e não se intimidam com os ataques. Os docentes sabem que precisam ajudar a construir um país melhor e jamais abdicam de seu dever de bem ensinar.

É por esses motivos que o SINTESPO, o Sindicatos dos Professores e Técnicos da UEPG, parabeniza a todos os que se empenham na tarefa de manter viva a chama da esperança e de um futuro melhor. Parabéns Professoras e Professores!

Comentários

Conte nos que você achou!