A diretoria do SINTESPO se reuniu na última sexta-feira para tratar de questões relacionadas à ação trabalhista vencida pelo sindicato dos agentes de segurança dos dois campi da UEPG. O processo, que foi iniciado em 2006, leva em conta o descumprimento por parte da Universidade Estadual de Ponta Grossa da Lei 15.050/06.

Novamente, do mesmo modo que ocorreu na reunião com os representantes dos agentes, a direção do SINTESPO se preocupou em seguir todas as recomendações de prevenção contra a covid-19, como distanciamento, o uso de máscaras e de álcool em gel.

Essa ação está em seu andamento final e a reunião serviu para informar os diretores sobre detalhes relativos à mesma, assim como para deliberar como se darão os passos finais. “Em breve teremos novidades sobre a ação que buscou manter os direitos dos trabalhadores da segurança da UEPG. Mesmo durante a pandemia, a direção tem buscado manter todos os vínculos com seus filiados, trabalhando de maneira remota. Nesse caso, como os detalhes são inúmeros, foi necessária uma reunião presencial”, disse o presidente do SINTESPO, Plauto Coelho.

FILIE-SE AO SINTESPO

Comentários

Conte nos que você achou!